Ilusão

October 11, 2017

Ilusão



Hoje sorri-te outravez... 
Só queria que reparasses em mim como costumavas reparar...
Eu sei a mulher forte que sou e eu nunca precisei de um homem para me sentir completa...
Mas quando me apaixono torno-me fragil, fraca e patética...
Porquê patética? Porque quando me apaixono eu acredito em tudo, eu acredito no impossível e amo como se não houvesse amanhã...
Eu tentei que resolvessemos as coisas e tentei salvar o que tínhamos, não serviu de nada


Mas eu acho que o meu amor por ti não passou de uma ilusão...
Eu nunca te amei da forma que amei o meu passado, ele era completamente errado para mim
Mas nada disso impediu-me...
Eu apaixonei-me por ele, sem saber como eu apenas fiquei apaixonada pela pessoa que ele me mostrava ser...
Eu tornei-me dependente dele, isso foi algo que eu nunca quis ser, eu não quero depender de ninguem
Mas agora ele vive no meu passado e não pode mais influenciar o meu futuro


Ele sabia como me fazer acreditar em tudo, ele sabia fazer-me sentir amada
Com ele eu sentia-me única, especial... como se nada nos pudesse parar
O toque dele era mágico, os beijos eram hipnotizantes e os abraços dele eram o meu lugar seguro


Mas isso era o que ele queria que eu visse nele, a verdade era bem pior
E aí começou a ignorância, os meses sem se falar, as fotos com outras mulheres....
A falta de amor, o desaparecimento do respeito, ele nunca me amou


Eu era o plano de reserva, quando ele não tinha ninguém ele voltava para mim...
E eu aceitei-o sempre ... e arrependo-me muito disso


Ele não merecia nem 1% do que eu sentia por ele...
Ele abusou de mim psicologicamente, mas o reino dele acabou


E não, eu não me arrependo que tudo tenha acabado, eu gostava que isto tivesse acabado à muito mais tempo
Ele foi uma completa perda de tempo....


Mas eu apreendi muito com ele,
Eu finalmente aceitei quem eu sou,
Eu tornei-me nesta mulher forte e capaz de tudo para ter o que quer
Eu apaixonei-me pelas minhas viagens
Eu comecei a importar mais com a escola



Obrigado por me destruíres, ao reconstruir tornei-me aquilo que estava destinada a ser!






No comments:

Powered by Blogger.